terça-feira, dezembro 29, 2009

FALL OUT BOY - WHAT A CATCH, DONNIE

Hoje uma coisa diferente para o Blog. Meu amigo, moderador e oficial Aislan indicou, pelo MSN, este vídeo no domingo, dia 27. Achei interessante a parte da fotografia, principalmente no final, onde o RMS Titanic aparece naufragando. Vale à pena conferir. Logo abaixo coloquei a letra da música e sua tradução em português, ambas retiradas do site musical Vagalume.

video


Fall Out Boy - What A Catch, Donnie

I got troubled thoughts
And the self-esteem to match
What a catch, what a catch

You'll never catch us
So just let me be
Said I'll be fine
Till the hospital or American Embassy
Miss Flack said I still want you back
Yeah, Miss Flack said I still want you back

I got troubled thoughts
And the self-esteem to match
What a catch, what a catch
And all I can think of
Is the way I'm the one
Who charmed the one
Who gave up on you
Who gave up on you

They say the captain
Goes down with the ship
So, when the world ends
Will God go down with it?
Miss Flack said I still want you back
Yeah, Miss Flack said I still want you back

I got troubled thoughts
And the self-esteem to match
What a catch, what a catch
And all I can think of
Is the way I'm the one
Who charmed the one
Who gave up on you
Who gave up on you

What a catch
What a catch
What a catch
What a catch

I will never end up like him
Behind my back, I already am
Keep a calendar
This way you will always know

I got troubled thoughts
And the self-esteem to match
What a catch, what a catch
And all I can think of
Is the way I'm the one
Who charmed the one
Who gave up on you
Who gave up on you

Where is your boy tonight?
I hope he is a gentleman
Maybe he won't find out what I know
You were the last good thing
We're going down, down in an earlier round
And sugar, we're goin' down swinging
Dance, dance, we're falling apart to halftime
Dance, dance, and these are the lives you'd love to lead
Dance, this is the way they'd love
If they knew how misery loved me
This ain't a scene, it's a goddamn arms race
This ain't a scene, it's a goddamn arms race
One night and one more time
Thanks for the memories
Even though they weren't so great
He tastes like you, only sweeter
Growing up, growing up

I got troubled thoughts
And the self-esteem to match
What a catch, what a catch



TRADUÇÃO:

Fall Out Boy - Que coisa, Donnie

Eu tinha pensamentos confusos
e a auto-estima para igualar, que coisa.
Que coisa.
Whoa
Whoa

Você nunca irá nos pegar
Então me deixe em paz
Disse que eu estarei bem até que o hospital
ou até a embaixada americana
Srta. Flack disse "eu ainda te quero novamente"
Yeah Srta. Flack disse "eu ainda te quero novamente"

(Refrão)
Eu tinha pensamentos confusos
e a auto-estima para igualar, que coisa.
Que coisa.

Tudo em que eu consigo pensar
é em como eu fui o único que a encantou.
E desistiu de ti
Quem desistiu de ti.
whoa, whoa..

Dizem que o capitão afunda com seu navio.
Então quando o mundo terminar, irá Deus afundar com ele?
Srta. Flack disse "eu ainda te quero novamente"
Yeah Srta. Flack disse "eu ainda te quero novamente"

Eu tinha pensamentos confusos
e a auto-estima para igualar, que coisa.
Tudo em que eu consigo pensar
é em como eu fui o único que a encantou.
E desistiu de ti
E desistiu de ti.

na na na-na-na

Que coisa
Que coisa
Que coisa
Que coisa

ooohhhh

Eu nunca vou terminar como ele,
Pela minhas costas, eu já sou.
Guarde um calendário,
dessa forma você sempre saberá.

(Refrão)

Onde está seu garoto esta noite?
Eu espero que ele seja um cavalheiro.

Nós estamos caindo e caindo um round
mais cedo e querida nós estamos caindo balançando

Dance, dance,
Estamos nos separando na metade do tempo,
Dance, dance,
E essas são as vidas que você amaria conduzir..

Não é uma cena, é uma maldita corrida armamentista,
Não é uma cena, é uma maldita corrida armamentista

"Uma noite e mais uma vez, obrigado pelas memórias,
mesmo que elas não tenham sido muito boas..."

"Crescendo, crescendo..."

Eu tinha pensamentos confusos
e a auto-estima para igualar, que coisa.

domingo, dezembro 27, 2009

PRÍNCIPE DE ASTÚRIAS NO CINEMA


Imagine uma madrugada de Carnaval no Litoral Norte de São Paulo em que corpos começassem a aparecer nas praias, trazidos pela correnteza e ondas do mar. Bem poderia ser este um roteiro de filme de terror. Mas não é. Trata-se de uma história verídica contada pelo documentário Naufrágio - Mistério e morte na catástrofe do Príncipe de Astúrias, de Eduardo Sallouti. O filme, que estreou nesta sexta-feira, dia 25, apenas na cidade de São Paulo, remonta a trajetória do maior naufrágio da história do Brasil.

Em 1916, o navio afundou no litoral de Ilha Bela matando cerca de 1200 pessoas. Luxuosa, a gigantesca embarcação estava repleta de famílias nobres, além de sua imensa tripulação. A densa neblina no mar do Atlântico, um desvio de bússola e o choque com as pedras deram cor e números à tragédia. Centenas de pessoas afundaram junto com o navio naquela madrugada de quase um século atrás.

É verdade que a história lembra aquele filme do cinema. Contudo, o famoso Titanic afundou quatro anos antes e os fatos acima remontam um roteiro que ainda não foi às telas. O Príncipe de Astúrias deixou Barcelona com direção a Recife e afundou em Ilha Bela, quando se dirigia ao porto de Santos.

"As coincidências com o Titanic são realmente impressionantes. Acredito que até pela proximidade das datas, quatro anos depois, a história do Príncipe de Astúrias não tenha chamado tanto a atenção na época", disse Edu Sallouti. O lendário Titanic afundou em 1912, matando 1523 pessoas. Já o transatlântico espanhol que Sallouti resgatou em seu documentário naufragou em 1916, como foi dito, nas águas do Litoral Norte de São Paulo.

Segundo o diretor, fica difícil precisar a verdadeira causa da tragédia. Especula-se um torpedo vindo de um navio alemão, um choque com um navio inglês e até uma sabotagem, com bombas no interior do navio. Mas, a causa mais provável é que o Príncipe de Astúrias tenha se chocado com pedras, por um erro de seu capitão ou por um problema na bússola.

"Os indícios apontam mais para essa causa, sem dúvida", disse Edu Sallouti, que estudou e pesquisou a história da embarcação por 6 anos. O que é certo é que o barco afundou muito rápido. Oficialmente, 460 pessoas foram mortas. Mas, seu número mais provável conta aproximadas 1200 mortes. "É sabido que foram aproximadamente 1200 vítimas, a tripulação na sala de máquinas era imensa. Há ainda relatos bizarros de corpos saqueados por caiçaras nas praias que jamais foram encontrados", completa o diretor.

Trazidos pela maré e aparecendo nas praias de Ubatuba, os cadáveres protagonizaram uma das passagens mais dantescas desta história. Muitos caiçaras, pescadores locais, percebendo a riqueza que acompanhava os passageiros mortos, começaram a saquear os corpos ali mesmo na areia da praia. Dedos, com anéis e jóias, foram cortados. Corpos foram mutilados, desenterrados, lavados, e enterrados novamente.

"É bizarro, mas é verdade. Além dos relatos da época, alguns corpos encontrados posteriormente confirmaram isso. Mas, talvez, mais assustador que isso seja o fato de que onze toneladas de ouro podem ainda estar lá. Isso porque esse ouro embarcou junto com os judeus, que eram maioria como passageiros. Onze toneladas de ouro soldado e escondido na superestrutura do navio. Estamos falando de cerca de 1,4 milhões de libras, que possivelmente ainda estejam no fundo do mar até hoje", contou Sallouti.

Até hoje? O maior desafio é que as condições para um resgate minucioso no transatlântico são muito adversas. O mar é revolto, mas tem-se conhecimento de que muitos piratas já efetuaram algumas buscas lá embaixo - e apenas eles sabem o que encontraram.

Edu Sallouti ouviu para o documentário um mergulhador que já tem mais de 400 incursões na embarcação. "Ele é quase um legista, sabe muito bem como está lá no fundo". Mais que isso, sua lista de principais fontes conta com um capitão da marinha, um historiador, além de filhos e netos dos sobreviventes.

O documentário Naufrágio - Mistério e morte na catástrofe do Príncipe de Astúrias estreou nesta sexta-feira, dia 25 e ficará até o dia 30 em uma única sala de cinema em São Paulo, Sala Reserva Cultural, localizada na Avenida Paulista, 900. Quinze pessoas trabalharam no filme, que tem a duração de 72 minutos e custou R$ 550 mil - com investimentos privados e subsídios do governo. "Não há ficção no filme, toda reconstituição foi feita por ilustrações, sem encenação. Filmamos o navio com a contratação de uma equipe de mergulhadores, mas também aproveitamos imagens de arquivos pessoais de outros que já filmaram ali", explicou Edu Sallouti.

O diretor obteve ainda algumas imagens em pesquisas realizadas em museus de Santos, além de alguns materiais que vieram de colecionadores particulares. E, assim, trouxe à tona esse gigante dos mares, com uma misteriosa história ainda maior que ele.

Clique aqui para assistir aos bastidores da produção. (fonte: TerraTV)


Opinião: Gostei do que assisti, mas percebi duas pinturas, uma sendo do RMS Titanic e a outra sendo do HMHS Britannic no documentário. Resta saber se foi um erro ou se será uma explicação de outros naufrágios.

sexta-feira, dezembro 25, 2009

FELIZ NATAL TITÂNICOS


Que você possa, neste Natal, refletir no rosto,
no olhar, no pensamento, nas palavras, o soberano,
o inigualável, o incomensurável, Natal de Cristo.

Faça com que a dulcíssima voz dos anjos,
ao entoarem o Glória a Deus nas alturas
e paz aos homens de boa vontade,
fique gravada indelevelmente em sua vida
e que você promova a paz durante todo o seu percurso.

Ensine aos outros que o Natal representa para você amor,
gratidão e compromisso de um mundo mais justo e fraterno.

Que toda a beleza da noite de Belém, dos sinos, da estrela,
dos anjos, de Maria, dos pastores, façam morada perene em seu coração!


FELIZ NATAL
a todos os titânicos, amigos, visitantes e seus familiares...


segunda-feira, dezembro 21, 2009

PARTES DO RMS OLYMPIC

video

O Hotel White Swan localizado ao nordeste das Ilhas Britanicas, na cidade de Alnwick, tem uma parte do Salão de Jantar da Primeira Classe e uma parte da Grande Escadaria do RMS Olympic. Caso queira, é só baixar o documentário completo que esta disponível no Orkut na comunidade TITANIC DOWNLOAD, clique aqui.

Sempre aparecem reportagens que alguns titânicos encontram, referente a objetos que "provavelmente" pertenciam ao RMS Olympic. No caso abaixo, o proprietário quer um estudo para comprovar se é de fato uma parte da escadaria do RMS Olympic ou apenas uma cópia, clique aqui para ler a reportagem.

OBS: Desligue o som da barra do Windows Media Player, para mellhor visualização.


quinta-feira, dezembro 17, 2009

GUARANTEE GROUP


O grupo de segurança do RMS Titanic ( Guarantee Group ) era formado por oito pessoas:

Alfred Flemming Cunningham,
Antony Wood Frost,
Ennis Hastings Watson,
Francis Parkes,
Robert J. Knight,
Roderick Robert Crispin Chrisholm,
William Campbell,
William Henry Marsh Parr.

Todos eles se reportavam a Thomas Andrews. Um fato emocionante é relatado no documentário “Titanic – A Lenda”. Alguns familiares guardam até os nossos dias atuais, lembranças e pertences dos entes queridos, que morreram naquela noite. Um exemplo mostrado, são:

1 - Thomas Andrews ( projetista ) guardam um telescópio.

2 - Roderick Robert Crispin Chrisholm ( desenhista ) guardam um livro de lançamento do Titanic.

3 - Antony Wood Frost ( capataz ) guardam seu apito e sua régua.

segunda-feira, dezembro 14, 2009

ADVENTURE OUT OF TIME - DOWNLOAD


Esse jogo é demais, como diz um amigo meu "Ele é Fodástico". Já comentei sobre ele no blog, já coloquei a seqüência do jogo também em 4 partes. Espero que gostem do vídeo, se possível joguem o jogo. Após muitos pedidos criei uma imagem do CD original, para que todos possam ter uma cópia. Foi usado o programa WINRAR para compactar. Após descompactar, você terá duas subpastas, CD1 e CD2. O tamanho médio é de 650MB em cada CD. Não deixe de visitar a comunidade no Orkut feita especialmente para este jogo. Boa diversão...


MATÉRIA - Clique aqui

SOLUÇÃO DO JOGO - Parte 1 - Parte 2 - Parte 3 - Parte 4

COMUNIDADE DO JOGO NO ORKUT - Clique aqui

LINKS PARA DOWNLOAD - Link01 - Link02 - Link03 - Link04 - Link05

LINKS PARA DONWLOAD - Link06 - Link07 - Link08 - Link09 - Link10


sexta-feira, dezembro 11, 2009

TITANIC - 90 ANOS DEPOIS


É sem sombra de dúvida o naufrágio mais famoso de toda a história. 97 anos depois de afundar no fundo do Oceano Atlântico, o acesso em uma década depois que seus restos foram encontrados foi mais fácil graças ao avanço da tecnologia, TITANIC - 90 ANOS DEPOIS é uma adição importante à riqueza da informação que cerca o grande navio.

Título: Titanic 90 Anos Depois (Titanic 90 Years Below)
Formato: AVI
Duração: 66 minutos
Tamanho: 468 MB
Áudio: Inglês
Legenda: Português

Os arquivos para download não são de nossa responsabilidade, portanto no caso de quebra de link não teremos como recolocar.

Links: Parte 1 - Parte 2 - Parte 3

terça-feira, dezembro 08, 2009

SS OLYMPIC OU RMS OLYMPIC. QUAL O CERTO?


Os navios ou vapores da época recebiam a sigla SS. Após registro e suas funções é que poderia haver mudanças para RMS. Tanto que os postais do Olympic e Titanic tem a sigla SS na frente do nome. Quando o Olympic foi requisitado para a guerra, recebeu a sigla HMT. O significado dessas siglas são:

SS: “Steamship”, significa Navio ou Barco a Vapor.

RMS: “Royal Mail Steamship”, significa Navio ( ou Vapor ) do Correio Real.

HMT: "His Majesty's Transport", significa Navio ( ou Vapor ) de Transporte de Vossa Majestade.



Dedicado ao meu amigo Leonardo,
sempre presente aqui e na comunidade.



sábado, dezembro 05, 2009

ÚLTIMO JANTAR DO TITANIC EM MADRI




Hotel de Luxo em Madri ofereceu último jantar do Titanic por 50 euros. Qualquer um que passou por Madri durante o mês de abril deste ano, pode fazer uma viagem no tempo e degustar algumas das delícias gastronômicas do Titanic. O Hotel Westing Palace ofereceu ao público o último jantar servido na primeira classe do navio antes do naufrágio, no início do século passado. A notícia já foi divulgada na Comunidade no Orkut no mês de março.


OBS: Desligue o som da barra do Windows Media Player, para mellhor visualização.

quarta-feira, dezembro 02, 2009

TITANIC NO TENNESSEE



Em novembro de 2008, a empresa Cedar Bay Entertainment proprietária do Museum do Titanic na cidade de Branson/Missouri, decidiu realizar o lançamento na primavera de 2010 de outro Museum do Titanic na cidade de Pigeon Forge/Tennessee. O projeto prevê um custo inicial de US$ 25 milhões. Abaixo algumas fotos inicial do projeto: